Resenha Livro: The Walking Dead - A Ascensão do Governador (Robert Kirkman e Jay Bonansinga)

sábado, fevereiro 01, 2014

Cada vez mais acompanhamos histórias tomarem todas as mídias possíveis e com The Walking Dead não foi diferente. Não demorou muito e a HQ que virou série, virou livro também, com o propósito de faturar mais uma graninha e de atingir aquela galera mais fanática e que queira se aprofundar mais na história. E assim a parceria de Robert Kirkman e Jay Bonansinga deu origem ao livro "A Ascensão do Governador", mostrando o início do vilão mais odiado dos últimos tempos.

Aqui conhecemos Phillip Blake, sua filha Penny, seu irmão Brian e seus dois amigos de infância, Nick Parsons e Bobby Marsh na sua luta para sobreviver nessa nova ordem que tomou conta do mundo sem eles mesmos saberem o porquê. Com personagens fortes e bem construídos, é fácil acabar se envolvendo com cada um deles de forma diferente, principalmente com os irmãos Phillip e Brian. Um obstinado e outro medroso, fazendo de tudo para proteger sua frágil parente Penny que é a única alegria que restou na família deles. 

Em "A Ascensão do Governador" temos a oportunidade melhor de saber melhor porque o Governador se tornou o Governador, e o mais importante, como e porque ele se tornou esse ser humano cruel de atitudes extremas. A palavra zumbi aqui é apenas citada uma vez. Para quem se atenta, o principal não são aquelas coisas, e sim os conflitos entre cada ser humano por moralidade e ética, a dor que pessoas tão diferentes são obrigadas a conviver em benefício da própria existência em favor daquilo que ainda os fazem seres humanos. The Walking Dead é isso, e no livro nos sentimos assim.

Todo livro tem capítulos, mas em "A Ascensão do Governador" eles estão lá para enfeitar, para ludicamente "enganar" o leitor e serem meros buracos para você colocar o marcador de livros quando você precisar. Kirkman e Bonansinga foram impecáveis em prender a atenção do leitor. A cada página renova-se o ânimo para saber o desfecho das páginas anteriores, num desenrolar de atos que te faz temer pelo pior, assim como os irmãos Blake. É aquele livro que você diz "que só vai ler mais um capítulo".

Esse primeiro livro da trilogia da qual também fazem parte "O Caminho Para Woodbury" e o recém lançado aqui no Brasil "A Queda do Governador", servem para aprofundar detalhadamente no início, meio e fim Governador e o mais importante: que todos tem histórias para se tornarem do jeito que são e que cada um suporta a dor da forma que consegue. Aqui vemos que a afeição entre dois irmãos superou qualquer atrocidade e crueldade, e essa é a principal conclusão que tive ao finalizar a leitura. O suficiente para olhar o Governador com outros olhos. 

Se você está acompanhando a 4ª temporada da série e assistiu o quinto episódio, facilmente se identificará com o livro e saberá mais a fundo o que realmente aconteceu na casa dos Chalmers. Claro que temos detalhes diferentes e atenuados, como por exemplo ele chegar a Atlanta apenas com sua filha Penny. Mas essa é única e principal ligação entre o livro e a série e é o suficiente para fazer ponte entre um e outro.

"A Ascensão do Governador" é imperdível para quem quer se aprofundar mais na série, e é um complemento perfeito de final avassalador para você que só assistindo a série, imagina que sabe o final do livro e só estava lendo para saber o desenvolvimento da história. Peça emprestado, compre. Vale muito a pena!

Postado por André Prado
Estudante de publicidade, formado em nerdices em geral, pós graduado em Netflix, e phD em piadas idiotas. Gasto dinheiro em comida e com livros que não tenho tempo pra ler.

Você pode curtir também

0 comentários