A relação próxima entre The Walking Dead e a cidade de Atlanta

Quando o episódio do último domingo de The Walking Dead começou (na terça-feira para nós brasileiros), foi claro que o sexto episódio protagonizado por Daryl e Carol foi uma clara volta as antiga origem do grupo liderado por Rick.

Se você acompanha a série, sabe que Atlanta é um importante ponto de encontro das temporadas anteriores e talvez tenha a cena mais emblemática de toda a série. A cidade foi destino obrigatório em alguns episódios e eu pensei em dar uma olhada além na cidade retratada na TV, comparando com os quadrinhos, vídeo-game e na vida real. E pensando, claro, que você não possa ter notado tais semelhanças.

1. Rick cavalgando para Atlanta


A primeira cena de Atlanta da primeira temporada é a mais emblemática, afinal, é a primeira vez que vemos em grande escala o apocalipse sendo revelado, com um engarrafamento monstro de carros saindo de Atlanta enquanto Rick é uma figura solitária naquela rodovia vazia. 

2. Rick cavalgando para Atlanta nos quadrinhos


Como podemos ver, o primeira episódio da série de TV chegou bem perto do volume um dos quadrinhos, mas aqui Atlanta tem a aparência mais prejudicada pela ação do tempo com vegetação crescendo ao redor da cidade e uma solidão ainda mais emblemática de Rick. Essa cena é uma das mais dramáticas na série de TV, mas lá, a paisagem urbana ainda aparece ao fundo.

3. Glenn saindo do inferno com a Dodge


No segundo episódio da série em que Glenn foge da cidade acelerando uma Dodge, Atlanta está exatamente na mesma forma quando Rick passou por lá (e eu aposto que Glenn sempre sonhou em dirigir uma Dodge em uma avenida vazia assim).

4. O grupo deixa Atlanta para trás


O primeira episódio da segunda temporada começa com Atlanta lentamente sendo tomada pela natureza. A vegetação cresceu um pouco e em comparação com as cenas anteriores, a rodovia agora é tomada pelas sombras.

Infelizmente os produtores da série se esqueceram de remover o guard rail no lado direito, sem contar que o da parte central está um pouco maior. Como os errantes não podem construir ou demolir nada da paisagem, creio que foi uma bela de uma desatenção.

5. Carol e Daryl dirigem a Atlanta para resgatar Beth


Eu precisei destacar essa cena da quinta temporada em que Daryl e Carol retornam a inóspita Atlanta, The Walking Dead está literalmente nas sombras nesses dias! É bem óbvio que a natureza assumiu o comando da cidade, não é mais um lugar para humanos viverem. A vegetação cresceu por entre os carros (o lado da morte) e na via vazia (o lado da vida), quase como se a cena representasse lentamente a morte dos sobreviventes nesse mundo pós-apocalítico.

Aliás esta é outra cena que nós podemos ver como The Walking Dead cometeu de novo o erro nos guard-rails centrais e do lado direito, na verdade o corrigindo se você prestar atenção na primeira cena. Sem contar o poste de luz pela metade na parte frontal do lado esquerdo que antes não havia.

Talvez os errantes sejam trabalhadores diligentes por trás da câmeras? Quem sabe...

6. Reverse shot of Atlanta in the video game


Esta é a imagem na versão de The Walking Dead nos vídeo-games na visão de Lee Everett no carrod e polícia a caminho do Meriwether County Correctional Facility. É a única vez que vemos Atlanta no jogo, sendo que nas outras vezes aparecem somente fortes referências a cidade no decorrer da campanha.

Bonus: A rodovia real na cidade de Atlanta


Como você pode ver a foto é um "pouco" diferente de como ela é retratada na série de TV, mas você captou a ideia né? Algumas partes foram editadas e a ponte foi colocada como ponto focal da cena, mas sem deixar de obter a dramaticidade iminente na cidade,

Bom, pelo menos haverá mais um ou dois episódios retratando Atlanta nas próximas semanas. É ficar de olho aberto para outras cenas emblemáticas nessa cidade que vira e mexe cruza o caminho de Rick e companhia.

Traduzido do original do Movie Pilot

Estudante de publicidade, formado em nerdices em geral, pós graduado em Netflix, e phD em piadas idiotas. Gasto dinheiro em comida e com livros que não tenho tempo pra ler.

Voltando
Next Post »
Comentários
0 Comentários
0 Comentários