O que passa pelos meus fones #95 - Matanza

quinta-feira, março 26, 2015

A banda nacional mais casca grossa atualmente é o Matanza. Falem bem ou falem mal da banda, atualmente é a única que consegue reproduzir um som competentíssimo que mistura country, rock n' roll, punk e hardcore como nenhuma outra aqui no Brasil.

A banda carioca que tem o barbudo gigante Jimmy London como vocalista, retorna aos novos trabalhos depois do lançamento do "Odiosa Natureza Humana" de 2011 que eu pessoalmente não curti tanto assim.

O primeiro single do novo álbum "Pior Cenário Possível" com lançamento programado para 14 de abril, é chamada "A Sua Assinatura", e a primeira impressão que tenho é que ela tem um refrão bem fraquinho comparada a tantas outras canções, foi uma escolha errada pra um single. Torço para que o álbum aplaque essa primeira não tão boa impressão.

Torço pra que eles voltem a época da fábrica de hits do passado como "Meio Psicopata", "Interceptor V6", "Eu Não Gosto de Ninguém", "Pé Na Porta e Soco na Cara", "Maldito Hippie Sujo", "Bom é Quando Faz Mal", "Clube dos Canalhas" e tantas outras...

Postado por André Prado
Estudante de publicidade, formado em nerdices em geral, pós graduado em Netflix, e phD em piadas idiotas. Gasto dinheiro em comida e com livros que não tenho tempo pra ler.

Você pode curtir também

0 comentários