Fingers Bloody Fingers: Conheça a inspiradora história do lendário guitarrista Tony Iommi

Não sei se você sabe, mas os riffs únicos de Tony Iommi aliando simplicidade e peso na sua icônica Gibson SG, só existiram graças a força de vontade de Tony e uma forcinha de um bom amigo.

Tudo começou na fábrica onde Tony trabalhava quando adolescente, quando em um expediente, ele teve que operar uma máquina de prensa no lugar de um amigo seu que havia faltado. Provavelmente por falta de experiência e do devido cuidado, Tony acabou prensando a mão esquerda na máquina e com isso acabou tendo decepado as pontas dos dedos do meio e anelar. Como Tony era canhoto, isso foi trágico, já que essa era justamente a mão que ele usava para fazer os acordes. 

Desiludido e achando que nunca mais ia poder tocar sua grande paixão, Tony reencontrou sua motivação ao ouvir um disco do guitarrista de jazz Django Reinhardt, que tocava usando apenas os dedos indicador e médio pois teve seus outros dedos paralisados por queimaduras de segundo grau. Claro que Tony se animou com isso, e usando as conhecidas próteses que ele ostenta até hoje, formou o Black Sabbath e bom... o resto é história. =)

Essa animação é parte de uma série da VH1 e narrada pelo próprio Tony Iommi.


Estudante de publicidade, formado em nerdices em geral, pós graduado em Netflix, e phD em piadas idiotas. Gasto dinheiro em comida e com livros que não tenho tempo pra ler.

Voltando
Next Post »
Comentários
0 Comentários