Vamos conversar sobre o trailer do Batman vs Superman?

quinta-feira, dezembro 03, 2015


Na calada da noite a exemplo do trailer do Capitão América: Guerra Civil, a Warner deixou a internet em alvoroço ao soltar o segundo trailer oficial de seu arrasa quarteirão que coloca frente a frente os dois heróis do grande escalão da DC e de toda a história: Batman e Superman.

Passado o tempo que a gente pára e respira pra continuar a vida, refleti que (infelizmente) Batman vs Superman peca exatamente na atitude que o trailer de Star Wars e da Guerra Civil da Marvel não pecaram: a descrição.

No texto de ontem em que deixei bem claro meu posicionamento aliviado sobre o trailer do terceiro filme do Capitão, elogiando a atitude da Marvel em nos lembrar que além da Guerra Civil temos um terceiro filme do Capitão América, e não focando no simples caminho que era de saciar a curiosidade de quem fará parte desse ou daquele lado, se rendendo a pancadaria do Capitão e do Homem de Ferro. Em Batman vs Superman, a Warner atendeu nosso anseio de que queríamos ver mais, mas frustrou ao fazer a gente pensar no final: será que precisava mostrar tanto?

Se deixarmos os orgasmos de lado e a Gal Gadot (eta mulher linda) aparecendo finalmente no traje da Mulher Maravilha,é prestando bem atenção no trailer que vai dar pra montar mentalmente o que vai acontecer no filme. O que acontecia bem claramente no trailer dos Vingadores: A Era de Ultron, e se mostrou um erro, deixando o filme apenas bom e não tão bom quanto poderia ser.

O trailer começa com o confronto de Clark Kent e Bruce Wayne, o lado civil de cada um e que é a parte realmente legal da história pra mim, indo além da conclusão que todo mundo espera e terá - como disse, o roteiro precisa sustentar os heróis, e não ao contrario. Só que se não fosse suficiente fazer questão de lembrar do Coringa e pulando a parte do confronto de ideais que os heróis tem, o trailer falha miseravelmente ao contar que Lex Luthor manipulará totalmente a situação a seu favor e fará de tudo para derrotar o Superman. Como? Manipulando o corpo morto do General Zod para transformá-lo no vilão Apocalipse, algo que poderia ter sido muito bem deixado entre os rumores.

E para piorar, a chegada do Apocalipse unirá os dois heróis e forçará a entrada da Mulher Maravilha na jogada formando uma prévia da Liga da Justiça, deixando claro de que ela salvará o traseiro da dupla de heróis. Quer dizer, pra mim, todo o clima de suspense e de confronto que foi construído no primeiro trailer além do fator surpresa que poderíamos ter com Gal Gadot foram jogado no lixo. Por exemplo, o trailer deixou claro de que ela ia lutar ao lado da dupla e não deixando no ar SE ELA IRIA FAZER ISSO. No fundo, sabemos que eles iriam formar com eles um embrião da Liga da Justiça no filme e não precisa ser muito inteligente para fazer essa relação entre bilheteria e "liberdade poética" que as produções cinematográficas tomam, contudo, revelar que ela vai tomar essa atitude tira o brilho de descobrirmos o porque que ela fará isso. É como revelar o desfecho de um personagem, não tem porquês nem comos, e sim respostas.

Acredito que o evento maior do filme tenha que se sobrepor aos heróis, afinal, se queremos ver pancadaria entre eles que se façam curtas de vinte minutos. É necessário ter uma história que sustente todos esses grandes personagens e Batman vs Superman quebrou isso, deixou de lado a questão política e moral que o próprio filme se sustentou em seu primeiro trailer.

Batman vs Superman é uma peça marketeira desde sua concepção, assim como os Vingadores e a Liga da Justiça e praticamente qualquer filme deste tamanho, e isso é uma puta responsabilidade nas mãos. Sabemos que as adaptações cinematográficas dos heróis são focadas naqueles 90% que vão ao cinema porque Batman e Superman estarão na mesma tela, só que para a galera mais inteirada isso não é o suficiente, e brincar com esse povo é brincar com fogo. É essa a galera que alimenta todo o hype que faz esses 90% serem arrastados para as salas de cinema, então imagine críticas negativas sobre sua maior peça de marketing em anos? Convenhamos, todo cuidado é pouco se tratando da Warner/DC. A Marvel tem uma história consagrada, a Warner/DC não.

Zack Snyder apesar de toda liberdade criativa que tem pode ter uma parcela de culpa, mas a cagada é principalmente da Warner que quis atender ao anseio de fanáticos como nós, acabou se empolgando com a peça de marketing que é um trailer, entregou de mão beijada muito mais do que deveria ter sido mostrado, como se desse um tipo de resposta a Marvel para os decepcionados de plantão. E isso foi como marcar um gol contra, amigo... A história que foi passada é que o cientista maluco (Lex) cria o monstrengo (Apocalipse), joga contra os heróis, faz eles virarem amiguinhos para combatê-lo junto com a Mulher Maravilha que aparece para salvar as suas peles e derrotar Luthor. O filme tem que ser muito mais que isso saca? E sacar tudo isso no trailer é decepcionante.

Mas calma, o filme vai ser foda, eu confio em Zack Snyder, confio no tratamento da Warner. Mas Waner, não basta deixar tudo grandioso e estrondoso ok? :)

Postado por André Prado
Estudante de publicidade, formado em nerdices em geral, pós graduado em Netflix, e phD em piadas idiotas. Gasto dinheiro em comida e com livros que não tenho tempo pra ler.

Você pode curtir também

0 comentários