O tributo d'Os Simpsons para o cinema

Muitas vezes uma cena é capaz de imortalizar um filme e é algo bem comum que outras propriedades, seja pela zueira ou pela vontade de homenagear, que tal cena seja reproduzida de novo abrilhantando o filme e causando aquele 'êxtase' dos cada vez mais famosos easter eggs. As animações são as rainhas em abrir licenças poéticas para num tipo de inception encaixar uma cena dentro da cena, a Pixar é muito boa nisso como você pode ver em outra postagem aqui no Descafeinado.

E falando em animações, Os Simpsons é um marco na televisão e influência de 10 entre 11 pessoas hoje em dia. Você até pode questionar de que o seriado não tem mais a mesma graça de antes e nem a qualidade do roteiro alcança o nível de outros anos, mas além da verdade de que Os Simpsons estão a 27 anos no ar e que o Homer está cada vez mais burro, é inquestionável de que ela foi mais do que capaz de se adaptar aos novos tempos, sendo sempre capaz de balançar a cultura pop carregando o non-sense e as sacadas inteligentes da mesma forma que a 20 anos atrás. Prova são as couch gags que se tornaram imortais e muitas delas são simplesmente hilárias.

Entre referências simples de se perceber como a d'O Iluminado e outras não tão óbvias assim como a de Cães de Aluguel, essa edição é bastante didática para explicar o quanto essa família muito unida e também muito ouriçada é importante para todos nós.


Entre tantas coisas que eu penso, na verdade, não tem nada melhor na vida do que meus heróis, um bom rock n' roll, cerveja, fritas, e um bom papo com uma boa companhia.

Voltando
Next Post »
Comentários
0 Comentários
0 Comentários